Respondendo aparentes contradições

image_printImprimir

“Quem comprou José: os midianitas ou os ismaelitas (Gênesis 37.25, 27, 28, 36)?”
”Davi estava sozinho ou acompanhado diante de Aimeleque (1 Samuel 21.1; Marcos 2.25)?”

Respondendo aparentes contradiçõesA respeito de José ter sido comprado pelos midianitas ou ismaelitas, apesar de nem sempre notada, esta é uma questão que há muito intriga os estudiosos do texto bíblico. Para resolvê-la, ou ao menos tentar, os eruditos estabeleceram uma lista de possibilidades.  As mais prováveis são estas:

1. Apesar de sua origem distinta, os ismaelitas (descendentes da união entre Abraão e a egípcia Agar) e os midianitas (que são filhos de Quetura, com o mesmo Abraão que casou-se após a morte de Sara) misturam-se ao ponto de serem tomados uns pelos outros. Essa é uma possibilidade plausível, pois as traduções siríacas do texto sagrado utilizam-se apenas  do gentílico árabe, sem distinguir midianitas e ismaelitas.

2. Outra possibilidade é que os irmãos de José o houvessem vendido aos ismaelitas e estes, por seu turno, o revenderam aos midianitas, e foi assim que o amado filho de Jacó chegou ao Egito. Embora apontada por alguns estudiosos como razoável, não considero esta uma possibilidade válida. Prefiro, pelos apontamentos históricos e sociais, a primeira opção.

No segundo questionamento, o texto de 1 Samuel 21 relata o encontro de Davi com Aimeleque, quando o herói judeu fugia da ira assassina de Saul. Na ocasião, Aimeleque estranhou que Davi, líder militar do exército de Saul, estivesse sozinho e desacompanhado – ele parecia desconhecer o fato de o rei Saul desejar matar a Davi, o que, aliás, obrigou o filho de Jessé a fugir apressadamente e de forma improvisada. Faminto, Davi foi ao sacerdote para pedir-lhe pães da proposição – o que não era aceitável, mas acabou sendo feito. O contexto do diálogo entre Davi e Aimeleque leva a crer que o  futuro rei de Israel mentira para fazer parecer que estava em missão real e acompanhado por uma milícia, quando na verdade estava em fuga e aparentemente sozinho. Alguns séculos mais tarde, Jesus cita esta história (Marcos 2.5) e diz que Davi comera dos pães da proposição, juntamente com os homens que o acompanhavam. Daí a indagação: Davi estava só ou acompanhado?

Ele estava, possivelmente, só. Ou, no máximo, fazendo-se seguir por algum ajudante imediato – Cristo não erraria essa informação! O importante, porém, no diálogo entre Davi e Aimeleque, bem como da citação que Jesus fez desta passagem, não é quantos estavam ou não com o Davi, mas o fato de que as coisas sagradas existem para a adoração de Deus, e não para a escravização ritual do ser humano. Davi não podia comer dos pães, mas comeu; assim como o sábado não existe para a letargia forçada do homem, mas para que o homem possa desfrutar do sábado.

Aliás, em ambas as questões respondidas nesta coluna, algo há de comum: uma atenção extrema aos detalhes (o que é bom), mas um apego exagerado a eles (o que é mal). Quando houver aparentes dificuldades ou supostas contradições no texto bíblico, devemos utilizar uma regra de ouro: os textos fáceis explicam os textos difíceis. Aimeleque julgou que Davi estava só, Cristo disse que com ele havia mais alguém… Jesus é melhor companhia neste caso! Um texto complementa o outro. Foram os midianitas ou os ismaelitas que comercializaram José? Esta é uma curiosidade étnica; o importante é que José tornou-se governador da maior potência de sua época, e nunca ousou dizer que o Senhor Jeová era o causador de suas provas e lutas.

Quanto ao mais, confortemos-nos em saber que a Bíblia é inspirada (quanto à origem), inerrante (quanto ao passado), infalível (quanto ao futuro), insubstituível (quanto à utilidade) e completa (quanto à revelação).

Por, Gunar Berg.

10 Responses to Respondendo aparentes contradições

  1. Josué Oliveira disse:

    Não tem nenhum fundamento estas explicações. Os Ismaelitas, ( da linhagem de Ismael), eram mercadores que levavam especiarias ao Egito vindo de Gileade, diz o texto. Gn. 37:25.(A.R.C.)
    Provavelmente acompanhados de uma caravana de mercadores Midianitas,(da linhagem de Midiã), que tiraram José do poço e o venderam por vinte moedas de prata aos Ismaelitas, diz o texto. Gn. 37:28. (A.R.C.)
    Doutra maneira, por que Ruben voltou aos seus irmãos à perguntar por José, se estavam todos juntos à comer pão?
    E ainda, se os irmãos de José o venderam, onde cabe os Midianitas nesta aventura?

    • Joselito Neto disse:

      “Na hora em que os comerciantes estavam passando, José foi tirado da cisterna, e seus irmãos o venderam por vinte peças de prata aos ismaelitas. Os compradores levaram José ao Egito.” GN 37:28

    • Zafenate disse:

      Como está escrito em Gên. 42:21 e 22 Rúben fala a seus irmãos “como se jogasse na cara deles” que foram eles que cometeram crime de morte. entende-se que Rúben não sabia da venda de José.

      • Zafenate disse:

        o que me convence que José foi vendido por seus irmãos, é o que está escrito em Atos 7:9 creio eu revelado pelo Espirito santo aos apóstolos.

  2. Claudia disse:

    Penso igual a vc Josué. O texto não diz que seus irmãos o tiraram do poço.

    • Genilson g dos Santos disse:

      Diz sim Genesis capítulo 37versiculo28. E,passando os mercadores midianitas,os irmãos de José o alcaram,e o tiraram dá sisterna,é o venderam por vinte siclos de prata aos ismaelitas;estes levaram José ao Egito.

      • Bruno Fonseca disse:

        Cara, veja a tradução da NVT e compare com a JFA. Estão bem diferentes. Cada tradução está abrindo margem pra uma interpretação diferente…

  3. elias disse:

    Minha duvida é:Os ismaelitas sao ou nao,da origem de ismael,filho de abraao e da egipsia?

  4. elias disse:

    Minha duvida é os ismaelitas sao oi nao origem de ismael o filho da egipsia com abraao?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Google Translate »