Criança ressuscita após oração da fé

Outros sinais ainda acompanham fiéis onde o milagre aconteceu

Os cânticos de adoração e as orações aconteciam durante o culto realizado na Assembleia de Deus na cidade de Coronel Goulart, distrito de Álvares Machado, campo eclesiástico de Presidente Prudente (SP), liderado pelo pastor Samuel Padilha; mas de acordo com o relato do pastor auxiliar Joel Cardoso dos Santos, algo de extraordinário estava para acontecer naquela noite chuvosa de domingo.

“As portas do templo estavam cerradas por causa do forte aguaceiro que caía naquela noite em nossa cidade. A reunião estava alegre, festiva, sentíamos a presença de Deus circular entre nós. Mas na agenda divina já havia algo de inusitado para acontecer”, lembra o pastor Joel Cardoso.

As testemunhas confirmam que após a leitura oficial e oração, os fiéis ouviram alguém do lado de fora em desespero e pedia para entrar no templo. Quando o porteiro permitiu a entrada da pessoa, tratava-se de uma jovem senhora chamada Érica Pereira da Silva, que estava afastada dos apriscos do Senhor. Ela entrou acompanhada de três primas e em grande desespero: ela trazia o seu filho Deivid William Rodrigues da Silva nos braços, envolvido em uma coberta, sem vida. Imediatamente os demais que estavam em adoração também foram contagiados pela agonia da jovem mãe. A festa espiritual que acontecia deu lugar à consternação, fruto do espectro da morte que agora pairava nas mentes dos fiéis reunidos.

“Contemplamos o desespero tomar conta do ambiente, considerando que a avó da criança estava no culto. A mãe gritava a plenos pulmões: ‘O meu filho morreu! O meu filho morreu!’, em seguida ela aproximou-se da sua mãe, que estava conosco em adoração ao Senhor, e entregou o corpo do menino, imediatamente a senhora colocou o menino em meus braços. Eu verifiquei se o coração da criança estava em atividade. Sem sucesso. Logo eu coloquei o corpo sem vida em cima do púlpito, e conclamei aos fiéis que glorificassem a Deus que é o dono da vida”, relatou o pastor.

De acordo com relato da jovem, o menino foi vítima de um mal súbito, mas ele já apresentava sinais de que a sua saúde estava debilitada. Diante de uma situação complexa na qual a única saída era apelar para a fé em Deus, o pastor Joel Cardoso clamou ao Senhor, pois a vida e a morte estão sob seu domínio e cabe ao Eterno doar ou retirar o fôlego de vida conforme a passagem bíblica em Samuel, na qual Ana, esposa de Elcana e futura mãe do profeta Samuel, exalta a majestade santa no que se refere a graça divina compartilhada com a humanidade.

“Lembro-me que naquele instante eu ouvi nossos irmãos em plena adoração a Deus. Eu levantei o menino para o alto e, inspirado pela autoridade divina, disse: ‘Espírito da morte eu te repreendo em nome de Jesus! Mas e o menino Deivid? De acordo como pastor Joel Cardoso, a criança goza de plena saúde, acompanha a mãe aos cultos e o pai que comparece nos finais de semana às reuniões. Mas o que o crente deve atentar é o vaticínio do próprio Jesus de que os seus seguidores realizariam sinais maiores dos que o dEle (Jo . ). A Palavra de Deus continua cumprir-se na vida de milhões de pessoas ao redor do mundo, semprevisão de data de validade. Volta espírito de vida!’. Imediatamente, a criança chorou e regurgitou!”.

As primas que acompanharam a desesperada mãe contemplaram o milagre e fugiram do santuário, mas de acordo com o testemunho das mulheres, elas sentiram um braço a conduzi-las de volta ao templo e ao altar de Deus. O pastor Joel Cardoso e os demais intercederam junto ao Senhor pelas primas de Érica, que foram libertas da opressão exercida por entidades malignas e aceitaram a Jesus como Salvador pessoal.

Mas qual a estratégia utilizada pelos fiéis conduzidos pelo pastor Joel Cardoso, nesses rincões afastados dos grandes centros urbanos? “A nossa igreja é pequena, mas trata-se de um povo que busca a face de Deus, mas o Senhor já havia dito para mim que Ele mostraria a sua glória. Esta profecia aconteceu há três anos enquanto estava em momento de oração com a minha esposa”, relata o pastor interiorano.

Mas após o acontecimento, diversas pessoas consideraram o agir de Deus entre os crentes regionais e passaram a frequentar os cultos ou demonstraram um respeito que outrora não tinham pela igreja local. Mas a ressurreição do menino Deivid foi o único milagre ocorrido na Assembleia de Deus no interior paulista? O pastor Joel Cardoso responde: “este foi o primeiro sinal entre nós, mas outros milagres passaram a acontecer, foi como se um portal abrisse para nós”.

Não muito tempo depois destes acontecimentos acima, os crentes depararam-se com mais desafios pela frente: uma menina que ficaria presa a botas ortopédicas para o resto da vida por recomendação médica. Os especialistas disseram aos pais da jovem que como desenvolvimento da paciente, eles teriam apenas que adaptar calçados de acordo com o seu crescimento. “Os pais a levaram a um de nossos cultos, nós oramos por ela ao Senhor e os pais a acompanharam de volta ao lar, mas com os aparelhos nas mãos. Deus a havia curado”, alegra-se o pastor. A senhora Maria Ilza que passou a deslocar-se em uma cadeira de rodas, após um Acidente Vascular Cerebral (AVC), pois ficou paralítica e foi aposentada por invalidez. Os crentes intercederam em seu favor e Deus a curou, a cadeira de rodas ficou inutilizada. “Até o meu filho Rogério Massarelli foi alvo da misericórdia divina. Ele estava em viagem para o Paraguai, o motorista do ônibus perdeu a direção e arremessou o veículo contra uma árvore. Foram vítimas fatais, mas o meu filho sobreviveu: ele foi arremessado fora do ônibus e permaneceu vivo”.

Mas e o menino Deivid? De acordo como pastor Joel Cardoso, a criança goza de plena saúde, acompanha a mãe aos cultos e o pai que comparece nos finais de semana às reuniões. Mas o que o crente deve atentar é o vaticínio do próprio Jesus de que os seus seguidores realizariam sinais maiores dos que o dEle (João 14.12). A Palavra de Deus continua cumprir-se na vida de milhões de pessoas ao redor do mundo, sem previsão de data de validade.

image_printImprimir

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Google Translate »