Um olhar sobre as características de Jó

Um olhar sobre as características de JóNo início do Livro de Jó, encontramos algumas características do patriarca Jó que nos chamam a atenção. Diz a Bíblia que ele era sincero, reto, temente a Deus e desviava-se do mal, isto é, ele se desviava das afrontas, insultos, perjúrios e da roda dos escarnecedores.

Jó também tinha um grande patrimônio fisicamente falando. A nossa riqueza se constitui no patrimônio que recebemos de Deus. O patrimônio físico de Jó foi destruído, mas o que ele recebeu de Deus, ele soube conservar.

Em Jó 1.4,5, lemos que Jó estava preocupado com o que faziam seus filhos. Jó não os abandonou. Que diferença para alguns pais dos nossos dias! Quando seus filhos erram, queixam-se da vergonha sofrida, porque sujaram o nome da família, e praticamente o entregam a Satanás. Jó, não. Ele se antecipava ofertando sacrifício pelos seus filhos. Ele apressava-se diante do Senhor por suposição (“Porventura pecaram meus filhos e blasfemaram em seus corações”). Era um pai cuidadoso.

No sofrimento, não murmure, não reclame, mas busque a Deus.

E não se preocupe porque alguém falou mal de você: adore a Deus. No tempo de Deus, eles retornarão a você para pedir perdão e ajuda (Jó 42.7,8). Verão você como sacerdote de Deus sacrificando por eles. Os amigos de Jó diziam que ele estava no pecado, caído, castigado, porém Deus mandou que pedissem que Jó orasse por eles, e Deus aceitou a face de Jó (Jó 42.9).

É conveniente observar o tamanho da oferta que Jó apresentava ao Senhor. O sacrifício apresentado se constituía de sete bezerros e sete carneiros – 7+7 = 14. Ora, 14 x 10 filhos = 140 animais sacrificados. Esse era o total de cada sacrifício de Jó. Quem deseja receber muito de Deus, aprenda a ofertar muito ao Senhor. Assim Jó fechava a porta da sua vida e dos seus filhos para Satanás (Deuteronômio 14.23,24).

A Bíblia diz que Deus não se envergonha de se chamar seu Deus (Hebreus 11.6). Olhemos o grande testemunho de Deus a favor de Jó. Deus confiou em Jó, na sua fé, na sua sinceridade, na lealdade, na fidelidade. Assim, Deus também confia em nós. Deus dava testemunho da vida de Jó.

Deus permitiu que Satanás destruísse todo patrimônio de Jó, porém Jó não pecou diante dos olhos do Senhor. Lançou-se na terra e adorou o Senhor. E foi abençoado muitas vezes mais. Sigamos seu exemplo.

Por, José Wellington Bezerra da Costa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Google Translate »