Sonhos e visões levam mais de 1 milhão de muçulmanos a Cristo

Relatos começam em 2000 e há até o caso recente de conversão de um ex-jihadista do Estado Islâmico; hindus também relatam experiências

Sonhos e visões levam mais de 1 milhão de muçulmanos a CristoNo início de junho, a reconhecida missão Voz dos Mártires – de apoio à Igreja Perseguida – divulgou, por meio de um programa de rádio nos Estados Unidos, que um membro do Estado Islâmico se converteu a Cristo após o próprio Jesus ter-lhe aparecido em sonho. A Voz dos Mártires entrevistou Gina Fadely, uma das diretoras da agência evangelística Jovens Com Uma Missão (Jocum) nos EUA. A organização missionária não-denominacional possui obreiros em praticamente todos os países do mundo Juntamente com Kevin Sutter, outro líder da Jocum, ela compartilhou esse testemunho do ex-perseguidor que lutava em nome da Jihad islâmica, mas agora está servindo a Cristo.

Compreensivelmente, o nome desse ex-jihadista não pode ser revelado por razões de segurança, mas sua história já foi divulgada, inclusive, no respeitado e popular jornal evangélico norte-americano “The Christian Post”. Segundo o ex-jihadista, mesmo tendo matado muitas pessoas em nome do ideal islâmico, ele  abandonou tudo após ter um sonho onde “um homem de branco” lhe disse: “Você está matando o meu povo”. Mesmo confessando que “realmente gostava de matar os cristãos”, ele sentiu imediatamente que aquilo era errado e afastou-se do grupo.

Além dos sonhos com um homem de branco, que o ex-jihadista identifica como Jesus, pouco antes de matar um cristão, ele ouvia algo surpreendente de uma das suas vítimas. “Eu sei que você vai me matar, mas quero te dar a minha Bíblia”. Após ter matado aquele homem cristão que ele sequer sabe o nome, o jihadista ficou com a Bíblia e começou a lê-la. Então, teve o referido sonho. E, logo depois, outro sonho, em que Jesus pedia-lhe para segui-lO e ser Seu discípulo.

Embora não deem maiores detalhes, os missionários da Jocum afirmam que o ex-EI abandonou o islamismo mesmo e está comprometido com o Evangelho. Fadely fez a inevitável comparação com o apóstolo Paulo, que também perseguia os cristãos. “Deus pode mudar tudo”, enfatizou.

Todd Nettleon, apresentador do programa da Voz dos Mártires e que entrevistou os diretores da Jocum, pediu no final da gravação que todas as vezes que os cristãos ouvirem falar de mais atrocidades cometidas pelos militantes do EI, devem orar por eles, pois “não estão fora do alcance da graça de Deus e nem do toque do Espírito de Deus”.

Sonhos e visões

Nos últimos anos, tem sido divulgada uma profusão de testemunhos de muçulmanos em países fechados para o Evangelho que têm se entregado a Cristo após experimentarem revelações sobre Jesus, seja através de sonhos ou de visões. Muitos desses relatos de encontros com Jesus através de sonhos e visões têm sido resumidos e publicados pelo pastor norte-americano Frank Costenbader, editor do site “Isa Dreams” (“Sonhos de Isa”). “Isa” é um nome árabe que se encontra no Alcorão, e corresponde a Jesus.

“O número de sonhos com Isa tem crescido tremendamente desde 2000, e depois de 2005 o ritmo parecia ter diminuído”, disse Costenbader. “Mas houve uma explosão de testemunhos na internet nos últimos dois anos sobre as pessoas que encontram Jesus em sonhos e, depois disso, se tornaram seguidores de Jesus”.

Mas, os muçulmanos não são os únicos que relatam tais encontros notáveis. O pastor Costenbader afirma que muitos hindus também têm postado em seu site muitos relatos de conversão após esse tipo de experiência. Ele disse que, independentemente do cenário, uma característica comum nos sonhos com Jesus é o sentimento de paz. “Isso é muito diferente do que impõe o sistema cheio de medos do Islã”, ressalta Costenbader.

Chirstine Darg, apresentadora de um programa de televisão do Jerusalém Channel, afirma que este é o cumprimento de uma profecia bíblia. “Este fenômeno está acontecendo todos os dias. Isso com certeza, é parte da profecia do profeta Joel, que diz que, nos últimos dias, Deus derramará do Seu Espírito sobre todas as pessoas, de maneira que nossos filhos e filhas profetizarão, e os jovens e velhos irão experimentar sonhos e visões”, lembra Darg.

Darg declara que pelo menos um quarto de todos os crentes muçulmanos já experimentaram algum tipo de sonho ou visão sobrenatural com Jesus. Costenbader disse que o número de sonhos é incalculável. “Ninguém pode obter estatísticas perfeitas, mas com base em toda a nossa investigação, acreditamos que bem mais de um milhão de sonhos e visões de Jesus ocorreram desde 2000. Isso significa cerca de 200 sonhos, todas as noites, entre os 1,6 bilhão de muçulmanos em todo o mundo”. Com base nisso, Costenbader acredita que “é possível que mais de 5% da população muçulmana no mundo pode ter tido um sonho com Jesus – o que seria cerca de 80 milhões de sonhadores”. Darg aponta ainda que muitos muçulmanos “não relatam suas experiências facilmente por medo de represálias”.

Desde novembro do ano passado, a quantidade de relatos de conversões de muçulmanos após sonharem com Jesus tem aumentado mais ainda, inclusive entre jihadistas. O que não desobriga a necessidade de a Igreja pregar o Evangelho – muito ao contrário. Inclusive, alguns desses convertidos precisam ser – e têm sido – discipulados. Esses casos só mostram que, apesar das dificuldades, Deus tem agido.

Conheça a seguir alguns desses testemunhos.

Sonhando com Aquele que salva do inferno

Um mulçumano saudita, cuja identidade não pode ser revelada por questões de segurança, foi levado a Cristo após uma série de sonhos horríveis: “Uma noite, enquanto eu dormia, eu tive um sonho horrível onde eu estava sendo levado para o inferno. O que eu vi lá me trouxe um medo real, e esses sonhos continuaram vindo para mim quase todas as noites. Eu estava realmente querendo saber por que eu estava vendo o inferno dessa maneira”, escreveu ele no site Answering-Islam.

Ele disse que, em um desses sonhos, Jesus apareceu para ele, dizendo-lhe: “Filho, eu sou o caminho, a verdade e a vida. Entregue sua vida para mim siga-me. Gostaria de salvá-lo do inferno que você já viu”.

“Isso veio como uma surpresa para mim, pois eu não sabia que este era Jesus”, conta o homem saudita. “Ele é mencionado no Alcorão e no livro Surata Maria. Ele é indicado como um dos nossos profetas, mas não como um Salvador que poderia nos salvar do inferno. Então, eu comecei a procurar por algum cristão que me desse explicações sobre este Jesus que eu vi”.

Em busca de um cristão que pudesse auxiliá-lo, o muçulmano saudita só conseguiu chegar até um cristão egípcio, porque o cristianismo é “totalmente proibido na Arábia Saudita e se um cristão é pego evangelizando um muçulmano, é quase certeza que ele será decapitado”, assevera. Depois de ouvir sobre Jesus, ele procurou ler a Bíblia para se aprofundar mais sobre Cristo e hoje é um cristão.

O homem da cruz

Emina Emlonic, uma adolescente muçulmana da Bósnia, foi um dos primeiros casos de grande repercussão de muçulmanos convertidos a Cristo por meio de sonhos. Sua experiência foi relatada em sites cristãos em todo o mundo em novembro do ano passado.

Em seu depoimento, Emina declara: “Eu estava no deserto sozinha, perdida. Não havia nada em vista, apenas areia. Eu sentia a areia sob os meus pés descalços. Então, eu vi algo extraordinário: no meio dessa aridez, uma imensa cruz de madeira emergiu da terra, se levantando e derramando a areia de volta à terra”.

Emina continua: “Me senti uma espectadora do meu próprio sonho, e a visão da cruz não me deu medo, nem alegria. Mas, eu era uma curiosa e me aproximei, quase flutuando, em direção a Ele, o mais magnifico. Era algo que nunca tinha visto ou imaginado. Quando cheguei mais perto da cruz, de repente vi um homem andando na minha direção. Ele tinha ombros largos, andava em passos largos, com uma pele escura, cabelos longos e vestindo uma túnica branca”.

“E eu, de repente, deixei de ser uma testemunha do meu sonho. Eu estava nele, caminhando na direção do homem que também estava andando na minha direção. Eu o reconheci imediatamente. Ele era Jesus! Sem saber porque, eu caí de joelhos. Ele, em pé, tocou meu rosto com a mão direita”, conclui Emina, que, após esta experiência, entregou sua vida a Jesus.

Procurando na Bíblia o Jesus revelado em sonho

Um colaborador da agência Portas Abertas no Oriente Médio relatou em dezembro sua experiência ao ouvir o testemunho de um muçulmano que se tornou um cristão secreto após Jesus se apresentar a ele em sonho. Conta ele, em depoimento à agência Portas Abertas: “Até o último minuto, estávamos incertos se o irmão Yassar [nome fictício] se reuniria com a gente ou não. Ansioso pelo momento de comunhão que teria conosco, ele concordou em compartilhar o seu testemunho. Quando ele chegou, nós garantimos que as cortinas estavam fechadas para assegurar-lhe uma sensação de segurança”.

“Yassar é de um país do Oriente Médio, onde a conversão ao cristianismo pode levá-lo a ser preso, torturado ou até morto por parentes e autoridades locais caso se negue a renunciar sua nova fé em Jesus Cristo. Totalmente desiludido com o islã, Yassar teve um sonho em que um homem vestido de branco, se revelou a ele. Esta experiência espiritual foi tão real que Yassar fez todos os esforços para conseguir uma Bíblia na qual pudesse aprender mais sobre Jesus. Ao ler a Palavra de Deus, ele foi tocado pela mensagem de amor, a maneira e tom que as histórias foram escritas. Para ele, o deus do Alcorão era uma divindade violenta e sem amor. Ao ler os evangelhos, ele se convenceu de que precisava ser batizado e pertencer a família de Jesus”.

“Seu próximo desafio era encontrar alguém que iria batizá-lo. Ele não conhecia outros cristãos. Estava com medo, mas tinha o desejo de dar este passo corajoso. Ele conseguiu um emprego em um país vizinho, e pela graça de Deus, conheceu outro cristão que o apresentou a um colaborador da Portas Abertas na região. Tudo isso aconteceu em máximo sigilo, enquanto Yassar estava com medo de ser exposto e deportado. Ele sabe que seu país também seria informado de sua conversão. Depois de algumas reuniões e comunhão com o pequeno grupo de cristãos secretos, Yasser finalmente foi batizado, após dois anos que declarou sua fé em Jesus Cristo”.

“Até o momento Yassar ainda é um cristão secreto e só conhece um pequeno número de cristãos. Eles se reúnem em segredo por medo de serem perseguidos. Ele gostaria de levar a mensagem de Cristo de volta à sua terra natal e à sua família, mas ele ainda está aguardando a instrução de Deus. Ore para que sua fé permaneça forte e que ele seja protegido pelo Senhor na sua caminhada de fé”.

Família inteira para Cristo

A história a seguir, relatada a um outro colaborador da agência Portas Abertas, é a de uma família que vive em uma pequena aldeia localizada em um dos países muçulmanos mais fechados do mundo para o Evangelho. “Deus não enviou um evangelista, mas falou com eles através de sonhos, o mesmo sonho. E, depois, a Portas Abertas foi capaz de reunir-se com os novos crentes e proporcionar-lhes Bíblias e discipulado, para que eles pudessem continuar a avançar no Reino de Deus”, conta a agência. Segue o relato:

“Vinda de um islamismo tradicional, a família toda vestia preto, como a tradição xiita ordena. De vida simples, falando sua própria língua, dialeto dessa região, os idosos não aprenderam a ler e escrever e, claro, não puderam passar tal habilidade para seus filhos e netos. Como uma família assim poderia conhecer o Evangelho? Mas para Deus nada é impossível”.

“Tudo começou quando o pai dessa família morreu. Esposa e filhos lamentaram seu falecimento e, após o período de luto, o filho mais velho assumiu o comando, uma tarefa que levou muito a sério. Além de ser primogênito, ele era o filho mais forte e mais alto. Em uma tradição agrícola, era visto como a pessoa mais preparada para manter a fazenda funcionando”.

“Nesse período o filho teve um sonho em que sei pai falava com ele. No sonho, o pai lhe contava que havia sonhado com Jesus antes de morrer. O filho em seguida, viu o pai deitado no hospital. A porta do quarto do hospital foi aberta e Jesus apareceu para o pai doente, em seu leito de morte. Jesus disse àquele homem: ‘Se você acreditar em mim, dar-lhe-ei a verdadeira vida’. O filho ouviu quando seu pai respondeu: ‘Sim, eu creio no Senhor, mas, por favor, vá até meus familiares. Eu tenho uma família numerosa que precisa te conhecer’. Após essa conversa, o pai entregou sua vida a Jesus e partiu em paz”.

“O sonho causou uma profunda impressão naquele jovem e, por isso, ele convocou toda a família para uma reunião. Sua irmã mais nova, no entanto, se recusou a participar. Nos países muçulmanos, as mulheres têm de ouvir e obedecer não só aos seus pais, mas também a seus irmãos. Compreensivelmente irritado, o então chefe da família foi tirar satisfação com sua irmã: ‘Por que você não me obedeceu? Você tem que aceitar o meu convite. Eu sou seu irmão’. Ela então, respondeu-lhe que estava com medo. ‘Por que?’, perguntou o irmão. ‘Eu tive um sonho especial’, ela respondeu. Ela continuou a compartilhar sobre como ela viu seu pai conhecer Jesus em um sonho. O filho ouviu espantado enquanto sua irmã contava exatamente o mesmo sonho dele!”

“Na reunião de família, tanto o filho mais velho como sua irmã compartilharam seus sonhos com outros familiares, que, após o relato, aceitaram Jesus como Salvador. O filho, então, decidiu que eles precisavam de 50 Bíblias para ler mais sobre sua nova fé. Mas, onde encontrar 50 Bíblias, quando você vive em um país muçulmano fechado?”

“Quando isso aconteceu, o filho ouviu falar sobre uma loja em uma cidade próxima que aparentemente possuía Bíblia para vender. Ele, então, viajou assim que pôde para essa cidade para visitar a loja. Quando finalmente chegou, o lojista disse que ele não poderia ajudá-lo com um grande número de Bíblias, mas apresentou alguém que poderia ajudar”.

“Essa terceira pessoa foi outro cristão, alguém a quem Deus havia preparado e enviado para discipular essa família. Depois que eles se encontraram e de ele ter sido capaz de dar à família a Palavra de Deus, disse ao filho mais velho: ‘O Senhor está com você e com a sua família. Ele vai ensiná-lo e, se você precisar de alguma ajuda, nós estaremos aqui para ajudá-lo’”. A família permanece firme em Cristo.

Gesto de amor

Mas, não é apenas através de sonhos que Deus tem levantado muçulmanos, até mesmo radicais islâmicos a conversão. Atos inesperados de amor por parte de vítimas cristãs também têm impactado muçulmanos. Em março, um militante do Estado Islâmico encontrado ferido durante um atentado terrorista do grupo foi socorrido por um grupo de cristãos e salvo da morte. O exemplo de amor ao próximo prestado por esses cristãos levou o muçulmano a se converter ao Evangelho.

O jihadista foi encontrado na fronteira leste da Síria e estava com ferimentos graves após um ataque terrorista contra cristãos. Depois de socorrido, foi dado como clinicamente morto. Os cristãos o levaram para um mosteiro, onde o socorreram e trataram. Entretanto, apesar de seus esforços, o jihadista, que em todo esse processo estava inconsciente, aos poucos foi perdendo seus sinais vitais. Então, quando os clérigos do mosteiro para onde foi enviado já se preparavam para sepultá-lo, seus batimentos cardíacos voltaram e o jihadista foi novamente socorrido.

Quando recobrou a consciência e foi informado do que havia acontecido, o membro do Estado Islâmico, um homem de 32 anos, decidiu ficar no mosteiro onde foi recebido e ajudar os clérigos nas tarefas cotidianas, como sinal de gratidão. “Poucos dias depois, antes de sair de lá, ele decidiu se converter ao cristianismo”, disse o principal responsável do mosteiro, de acordo com informações do site RT.

Os casos de muçulmanos que se convertem ao cristianismo logo após terem contato com a mensagem do Evangelho é cada vez maior. Em suas doutrinações, os líderes islâmicos privam a maioria dos fiéis do conhecimento sobre o que é o cristianismo, mas a mensagem bíblica tem alcançado os muçulmanos pouco a pouco.

Por, Mensageiro da Paz.

4 Responses to Sonhos e visões levam mais de 1 milhão de muçulmanos a Cristo

  1. RevSouza disse:

    Glórias a Deus! Sou um pastor anglicano e vejo nesses testemunhos e muitos outros de conversões especialmente entre muçulmanos, coisa impossível de acontecer aos olhos humanos, o cumprimento da profecia do Senhor Jesus de que este evangelho seria pregado em todo o mundo para depois vir o fim (Mt. 24:14). Ou seja, o Senhor está voltando! Maranata! Vem, Senhor Jesus.

  2. vanderleiaRocha disse:

    me pegava perguntando sobre esse povo;
    e a sua salvaçao.
    Deus é maravilhoso,Jesus esta as portas.

  3. cooperador da iead pe bruno micael disse:

    gloria a deus para deus não a barreiras aonde o homem não pode chega deus chega.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Google Translate »