Exaltação ao mal em literaturas infantis

Exaltação ao mal em literaturas infantisÉ cabível afirmar que vivemos dias difíceis na Terra, pois cada dia estamos vendo o bombardear de armas degradantes à alma. Nos dias hodiernos, Satanás tem feito valer suas opiniões mundanas sobre moralidade, as filosofias, a psicologia, os desejos, governos, cultura, educação, ciência, arte, medicina, música, sistemas econômicos, diversões, comunicação de massa, esporte etc, para opor-se a Deus, ao Seu povo, à Sua Palavra e aos Seus padrões de retidão. E o alvo maior de Satanás é incutir na  mente e no coração das crianças mentiras deploráveis à moral e aos bons costumes. Um exemplo é o conteúdo de um livro distribuído nas escolas públicas do Brasil para estudantes matriculados no Ensino Fundamental. “A máquina de brincar”, que trás uma série de contos em forma de poemas, e entre eles alguns em que o Diabo é mencionado como “um bom parceiro”. Conforme o autor, ateu confesso, Paulo Bentancur, Deus e o Diabo são “ótimos personagens de ficção”.

O livro está dividido em duas partes: uma “para ler no claro” e outra “para ler no escuro”, e, segundo o autor, foi escrito com a intenção de brincar com “o lado bom e o lado mal das coisas”. E ainda possui poemas de títulos chamativos, como “O diabo que me carregue”, onde são feitos questionamentos sobre a existência de Deus. O livro compara Deus a uma criança medrosa e chama Satanás de “amigo”. Um trecho do livro chega a ser aterrador: “Sossega! Vão falar mal aqueles que não estão contigo. Que não foram convidados pelo diabo, meu grande amigo”. O referido livro apresenta o Diabo como amigo, coloca Deus como covarde e pequenino, e termina dizendo que o inimigo venceu. É uma literatura totalmente imprópria e antibíblica.

Observemos trechos dos poemas que esse livro apresenta:

“Deus é só uma ideia? Deus é o nome de uma esperança? Deus é um pedido de socorro? Ou Deus ainda é uma criança, e por ser tão pequenino, tem medo de descer do céu?”; “Ó diabo, meu grande amigo, vem, vem brincar comigo. Todos os filmes de terror tu escrevestes com amor. Ó diabo, meu grande amigo, vem, vem brincar comigo. A tua capa vermelha, me empresta pro carnaval”.

Vemos que o Inimigo tem investido de todas as maneiras para atingir os pequeninos, com armadilhas, ciladas e laços infernais, e essas ideias têm como proposta deturpar a mente de muitos. Infelizmente a realidade é esta: “O mundo jaz no maligno” (1 João 5.19). O Inimigo tem “trabalhado” para mudar conceitos e verdades, por isso precisamos estar alertas para as “novidades malignas” que tem chegado às nossas casas por intermédio da mídia e literaturas como a que foi mencionada. A Bíblia nos aconselha: “Estejam alerta e vigiem. O diabo, o inimigo de vocês, anda ao redor como um leão, rugindo e procurando a quem possa devorar” (1 Pedro 5.8, NVI).

É alarmante como a sociedade intitula de “normal” aquilo que a Palavra de Deus condena. É notável o incentivo a homossexualidade em algumas histórias tradicionais em quadrinhos, como é o caso da Edição 50 de Os surpreendentes X-Men (Marvel), que apoia o “casamento” homossexual. O personagem Jean-Paul Beaubier, o Estrela Polar, pede seu “namorado” em casamento. o personagem surgiu nos quadrinhos pela primeira vez em 1979, nas páginas de Os fabulosos X-Men, em 1992 foi declarado que ele era homossexual, tornando-se o primeiro super-herói a “sair do armário”. Segundo o roteirista, esse é “um tema universal e comum na sociedade”, mas a Bíblia declara que essa conduta é abominável ao Senhor (Levíticos 18.22; 20.13; Romanos 1.26). Deus criou o homem e a mulher e instituiu a família (Gênesis 1.26-28). Essa é a a verdade irrefutável.

Ainda temos outros títulos como “Harry Potter”, contos de fadas como “cinderela”, “Branca de Neve” e outros, utilizados em escolas públicas, que induzem ao satanismo, bruxarias, feitiçarias, ocultismo e magias, fazendo com que as crianças venham a acreditar no – e dar ênfase ao – conteúdo satânico. E muitas vezes são literaturas distribuídas como auxílio de leitura secular. Através de literaturas impróprias, o caos ingressa na humanidade, pelo fato de ter as suas estruturas corrompidas em vez de serem firmadas na Escrituras Sagradas. Vigiemos para que nossos lares não se tornem alvo de Satanás e de seus enganos. Sobre esse assunto, a Bíblia é clara: “Não permitam que se ache alguém entre vocês que queime em sacrifício o seu filho ou a sua filha; que pratique adivinhação, ou se dedique à magia, ou faça presságios, ou pratique feitiçaria” (Deuteronômio 18.10).

Todos nós precisamos saber, incluindo também as crianças, que as verdades absolutas da Bíblia Sagrada nunca serão alteradas:

  • Deus é Grande, Criador de todas as coisas, o Todo Poderoso. “Grande é o Senhor e digno de ser louvado; sua grandeza não tem limites” (Salmo 145.3 – NVI); “Eu sou o Senhor, o santo de vocês, o Criador de Israel e o seu Rei” (Isaías 43.15 – NVI).
  • Satanás é o inimigo de nossas almas, o devorador, o nosso adversário, pai da mentira. O Senhor Jesus repreendeu certo grupo dizendo: “Você pertencem ao pai de vocês, o Diabo, e querem realizar o desejo dele. Ele foi homicida desde o princípio e não se apegou à verdade, pois não há verdade nele. Quando mente, fala a sua própria língua, pois é mentiroso e pai da mentira” (João 8.44 – NVI).
  • O homossexualismo não é uma orientação sexual, é abominação ao Senhor Deus. E quem pratica tais atos, não herdará o Reino de Deus. “Vocês não sabem que os perversos não herdarão o Reino de Deus? Não se deixe enganar: nem imorais, nem idólatras, nem adúlteros, nem homossexuais passivos ou ativos” (1 Coríntios 6.9 – NVI).
  • Ocultismos, bruxarias e magias são artimanhas satânicas, para enganar a muitos. As pessoas que usarem dessas práticas não passarão a eternidade no céu. “Mas os covardes, os incrédulos, os depravados, os assassinos, os que cometem imoralidade sexual, os que praticam a feitiçaria, os idólatras e todos os mentirosos; o lugar deles será no lago de fogo que arde com enxofre. Esta é a segunda morte” (Apocalipse 21.8).

Diante do bombardeio que as crianças recebem por meio de tais literaturas, faz-se necessário que os pais estejam alertas e acompanhem minuciosamente o que as crianças estão lendo, e estejam preparados contra essas inevitáveis investidas satânicas.

Por, Jonas Bentes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Google Translate »