Evangelismo através do louvor

Igrejas usam a música como ferramenta para ganhar vidas

metro_sao_pauloA música tem o poder de romper barreiras temporais, geográficas e até culturais. Esse fato explica fenômenos como o que observamos no atual cenário secular, por exemplo, em que a obra de um rapper sul-coreano virou hit universal, inclusive aqui no Brasil. Se uma melodia já atrai, independentemente da letra cantada ser compreendida, num idioma em nada semelhante ao seu, imaginamos o que não pode fazer a música com uma mensagem de vida, na língua nativa de quem ouve? Pensando nisso, muitas igrejas se perguntaram: “Por que não aproveitar o potencial dessa ferramenta para evangelizar?”. É o caso da Assembleia de Deus em Colégio, Ministério Cordovil, no Rio de Janeiro. O ministério de louvor adotou o método para ganhar vidas para Jesus. No ano passado, eles começaram um projeto chamado “Louvor no Metrô”, em que pessoas do ministério iam para as estações e se punham a entoar hinos com conotação evangelística, verdadeiros apelos para os que passavam.

“É bastante simples, acessível a todas as igrejas, mas ao mesmo tempo muito impactante. Ficamos parados à entrada do metrô cantando louvores mais conhecidos do grande público com abertura de vozes e acompanhamento apenas de um violão, entregando folhetos, falando do amor de Deus e fazendo convites para a programação da nossa igreja”, explica uma das integrantes do ministério, Isabelle de Jesus. Segundo ela, os frutos desse trabalho são diversificados: algumas pessoas vêm testemunhar imediatamente ao grupo, outras contam depois que sentiram algo diferente ao ouvi-los, perguntam em que igreja congregam para lhes fazer uma visita, alguns sem nada a falar na hora aparecem mais tarde no culto e outros são tão tocados que aceitam a Jesus como Senhor e Salvador no próprio local.

O mesmo propósito de usar essa arte para atrair vidas a Cristo tem motivado flash mobs evangelísticos realizados por jovens irmãos ao redor do país, ou melhor, do mundo. E, de fato, centenas de pessoas tem sido atraídas pelo som da adoração.

“Cremos que o louvor idôneo às Escrituras é a Verdade de Deus cantada. Portanto, há libertação, curas e genuína conversão com frutos, pois a Palavra de Deus, ao ser anunciada, jamais voltará vazia”, enfatiza o grupo, incentivando a realização do trabalho por outras igrejas.

Por, Mensageiro da Paz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Google Translate »