A solução para as dificuldades é a unção do Espírito Santo

A solução para as dificuldades é a unção do Espírito SantoConvido ao prezado leitor a meditar comigo sobre a mensagem registrada no livro do profeta Joel, no capítulo 2  e versículo 18 e 19: “E o Senhor terá zelo de sua terra, é se compadecerá de seu povo. E o Senhor responderá e dirá ao seu povo: Eis que vos envio o trigo, e o mosto, e o óleo, e deles sereis fartos, e não mais vos entregarei ao opróbrio entre as nações”.

Conforme a leitura desse registro bíblico, podemos observar que nossos irmãos no passado utilizavam o odre para armazenar bebidas. E o que era o odre? Era um antigo recipiente de pele de animal, geralmente de cabra, usado para o transporte de líquidos. Com o passar do tempo, o uso contínuo do recipiente fazia com que seu material ficasse ressecado até se quebrar, porém os usuários mais precavidos imergiam o odre em um tanque de água e deixavam o recipiente por um determinado período até ficar umedecido. Então, mais tarde, a pessoa retirava o utensilio do tanque e o colocava ao sol. Finalmente, o objeto era untado com azeite. O longo processo era necessário para recuperar o material, para que, dessa forma, tivesse condições de armazenar vinho velho ou novo, porque estava resistente novamente. É um processo muito bonito e que podemos contextualizar à atuação do Espírito Santo, que constantemente derrama o azeite em nossas vidas.

Aproveito para dar um conselho a todos os que estão lendo as páginas deste jornal: mergulhe o seu depósito de azeite no tanque das águas da vida! Deixe a Palavra de Deus umedecer o seu coração! Quando o Espírito Santo trabalha com a Sua Palavra em nossas vidas, tudo passa por uma transformação!

Certa vez, eu estava ministrando a mensagem bíblica na cidade de Salto do Céu (MT) e, naquela ocasião, percebi que havia um irmão que, em sado momento, se levantava, dizia algumas palavras e sentava-se. Ele repetiu aqueles movimentos por diversas vezes. No encerramento do culto, o pastor daquela igreja chamou aquele irmão e perguntou a causa de sua manifestação, ele respondeu: “Pastor, o senhor sabe que eu sou proprietário de algumas terras por essa região, mas quando fui receber as 50 bolsas de arroz do locatário, ele não quis me pagar e ainda me disse: ‘Os crentes são tolos, eu não vou dar nada para o senhor’. Eu retruquei e negociamos, a quantidade de sacos de arroz foi diminuindo e não chegamos a um acordo. Fiquei tão indignado com a conduta daquele homem que o ameacei de morte. Eu fui para cidade para comprar uma faca e cometer o crime. Eu estava cheio de ódio no coração. Nesse momento, encontrei dois irmãos que me abraçaram e me conduziram para o templo. Eles não sabiam de meus reais propósitos. Decidi sentar-me no último banco e ficar pouco tempo no recinto, mas quando ouvi a mensagem da Palavra de Deus pelo pastor, eu senti como se gotas de orvalho caíssem em meu coração, e eu não senti mais o ódio, mas em seu lugar comecei a sentir alegria, e o Senhor Jesus batizou-me no Espírito Santo. Aquela manifestação minha foi para dizer a Deus que já estava tudo pago”.

Queridos, a solução para as nossas dificuldades é a unção do Espírito Santo!

Por, José Wellington Bezerra da Costa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Google Translate »