A quem devemos buscar de madrugada?

“Sempre ouço pregarem em Provérbios 8.17 dizendo que é para buscarmos a Deus de madrugada. Mas o texto não fala da busca pela sabedoria?”

A quem devemos buscar de madrugadaProvérbios é um livro de estilo poético e se constitui de pensamentos de sábios, sobretudo Salomão, que tinham a preocupação de pensar o dia-a-dia das pessoas nos aspetos mais práticos da vida. É um conjunto de dicas de sabedoria para lidar com a moral, com as relações humanas, com o trabalho, com os desafios políticos, familiares; enfim, com a vida como um todo. É um livro de pensamentos sobre a compreensão da vida a partir da realidade tendo em Deus o ponto de referência.

O capitulo 8 é reservado a uma exposição sobre o valor da sabedoria. É um texto onde o autor personifica a sabedoria, dando a ela a possibilidade de falar. Ela convida e apela às pessoas sobre seu valor, importância e resultados. O autor desse provérbio faz uma mistura entre recursos poéticos e sapiências para acentuar o seu apelo. O objetivo é buscar a sabedoria, pois ela está disponível àqueles que querem viver de maneira ética, moral e espiritualmente diferente.

Quando o versículo 17 declara “eu amo os que me amam, e os que de madruga me buscam me acham”, está usando uma figura de estilo que demonstra o apelo da sabedoria aos seus ouvintes. A ideia de buscar pela madrugada necessariamente não diz respeito ao tempo (de manhã cedo), mas implica uma ideia de prioridade, de entender que ser sábio na vida deve ser uma das primeiras preocupações daquele que quer ter uma vida diferenciada, pois é na sabedoria que vivemos melhor o propósito de Deus para nossas vidas e o conhecemos de fato.

De modo geral, o capitulo 8 de Provérbios é um capítulo que fala exclusivamente do valor da sabedoria e sua disponibilidade aos que a buscam. Deus é a fonte dessa sabedoria. Quando o texto se refere à “madrugada”, não dá a ideia de horário de oração, ou coisa parecida, mas, sim, de que devemos dar prioridade a buscar sabedoria, pois é por meio dela que viveremos bem a vida que Deus nos deu. Ser sábio é uma das nossas constantes prioridades, na perspectiva de Provérbios. Essa sabedoria pode ser alcançada tanto a partir da nossa busca espiritual como também da leitura, da conversa, do ouvir pessoas sabias etc., e, claro, através da oração. Tudo isso exige diligência e disciplina, podendo ser uma variante do texto bíblico. Talvez a palavra “diligência” (versão espanhola Reina Valera) seja mais adequada, pois implicaria também que quem busca a sabedoria estabelece isso como prioridade da sua vida, logo o faz de manhã bem cedo. Deve-se buscar ao Senhor (e sua sabedoria) em primeiro lugar na vida.

A palavra “madrugada” (a versão King James usa a palavra “cedo”) foi inserida na versão Almeida Revista e Corrigida, mas já não consta na versão Almeida Revista e Atualizada nem em outras versões mais atuais. Talvez tenha sido usada esta palavra pelo motivo de que na época da tradução não encontraram uma palavra mais adequada, mas queriam, fieis ao texto bíblico, dar a ideia de prioridade.

Por, Claiton Ivan Pommerening.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Google Translate »