Os anjos “encerrados em cadeias”

Na epístola de Judas, o versículo 6 revela a existência de seres espirituais aprisionados?

prisaoPara compreendermos a resposta a essa indagação, contida no versículo seis da Epístola de Judas, precisamos nos reportar à origem dos anjos, que, conforme Neemias 9.6 e Colossenses 1.16, não são eternos como Deus, nem auto existentes, mas foram, como todas as demais coisas, trazidos à existência pelo Criador (“…nos céus e sobre a terra, visíveis e as invisíveis”).

Quando discorremos sobre o mundo dos anjos, lidamos com o universo invisível dos espíritos, constituindo-se num desafio à nossa mente humana. A Bíblia não indica uma época definida para a criação dos anjos, mas podemos inferir que surgiram num período remotíssimo. No livro de Jó, lemos que, do meio do redemoinho, o Senhor fez ao patriarca a seguinte pergunta: “ Onde estavas tu, quando eu lançava os fundamentos da terra? (…) Quando as estrelas da alva, juntas, alegremente cantavam, e rejubilavam todos os filhos de Deus?” (Jó 38.4, 7). Nesse texto, é evidente que Deus está se referindo à criação universal e, quando Ele cria as demais coisas, os anjos (as “estrelas da alva”, os “filhos de Deus”) já existiam, pois, estes, ao contemplarem as maravilhas da criação de Deus, encheram-se de júbilo.

As Sagradas Escrituras indicam que há uma hierarquia no reino dos espíritos e a mais elevada posição era, no princípio, ocupada por Lúcifer, “o aferidor da medida, cheio de sabedoria e perfeito em formosura” (Ezequiel 28.12-15), que foi criado, como todos os demais anjos, para glorificar a Deus. No entanto, ao invés de permanecer fiel a Deus e honrá-lo eternamente, desejou ser “semelhante ao Altíssimo” (Isaías 14.14), levando consigo, nessa rebeldia, provavelmente um terço dos anjos (Apocalipse 12.4), instituindo, assim, a classe dos “anjos caídos”.

Apesar de os textos de 2 Pedro 2.4 e Judas 6 registrarem anjos caídos que estão presos por algemas eternas, aguardando o juízo do grande Dia, entendemos que essa afirmação se refere a apenas uma parte dos anjos rebelados. As Escrituras não explicam porque alguns espíritos malignos (anjos caídos) estão encarcerados, enquanto outros estão livres para agir sob o comando do “príncipe das potestades do ar” (Efésios 2.2), isto é, Satanás, o adversário, incitando os homens a se rebelarem contra Deus.

Embora a Bíblia não contenha informações contundentes a respeito desses seres mencionados em Judas v. 6, a maioria dos teólogos concordam que essa é uma alusão aos “gafanhotos” descritos em Apocalipse 9, representando um numeroso exército de demônios que hoje estão detidos, mas terão permissão do Criador para saírem da prisão temporariamente no futuro. Somando-se às “forças espirituais do mal, nas regiões celestes” (Efésios 6.12), eles atuarão intensamente na terra no período da Grande Tribulação, tendo o poder de “escorpiões”, provocando terríveis tormentos à humanidade, semelhantes ao tormento provocado pelo veneno do escorpião quando fere o homem, com a diferença de que este desejará morrer, “mas a morte fugirá dele” (Apocalipse 9.6). Esses seres assumirão um papel decisivo nos acontecimentos de forma que, conforme palavras de Jesus registradas por Mateus, este será um período de tanta angústia que se “aqueles dias não fossem abreviados, nenhuma carne se salvaria; mas, por causa dos escolhidos, serão abreviados aqueles dias” (Mateus 24.22).

Por, Esli de Souza

4 Respostas para Os anjos “encerrados em cadeias”

  1. Sérgio França disse:

    Oi Esli…então, esse tipo de assunto me chama muito a atenção, gostei muito do texto mesmo, mas gostaria de tirar uma dúvida sobre um fragmento dele; vc menciona aqui a existencia de uma hierarquia de anjos……..de fato a biblia menciona realmente isso, mas sempre pensei que a posição mais elevada seria a dos ARCANJOS, como MIGUEL por exenplo………os textos biblicos usados para designar LÚCIFER, se referem a ele como pertencente a classe dos QUERUBINS………seu texto aqui menciona que ele ( LÚCIFER ), ocupava a posição mais elevada dos anjos; ´´e isso mesmo ou meu raciocinio é que está errado Esli? Por favor, se puder esclarecer isso pra mim, fico muito grato com sua atenção…tchau tchau….abrçs!!!!

    • Francisco Wlademir Galvan disse:

      Sim, as Escrituras Sagradas não fazem uma referência tão descritiva aos outros anjos, como o faz para Lúcifer em Ezequiel 28.12-15: o aferidor da medida, cheio de sabedoria e perfeito em formosura. Com isso entendemos, que sua posição era superior a de todos os anjos. Isso também fica claro que ele era o mais próximo de Deus, por isso e por sua grandeza, se achou igual a Deus, como deixa claro o texto bíblico.

      • Esdras disse:

        Ele n era maior q Miguel apenas ocupava uma posição determinada por Deus beleza e gradesa n quer dizer ser maior a grandeza dele era por causa do lugar q ele ocupava .

  2. EUDES NICÁCIO disse:

    ENTÃO ESSES ANJOS QUE ESTÃO PRESOS EM CADEIAS SE REFERE AOS GAFANHOTOS ME EXPLICA AI COM MAIS DETALHE SOBRE ESSES DEMONIOS QUE ESTÃO PRESOS??

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *